Menu

4 – Desdobramento Mental

2 de março de 2016 - Fase B

Tema nº. 4 – Desdobramento Mental.

 

Em certa lição falamos vagamente sobre o desdobramento mental.

Faltou não obstante elucidar o fato que o desdobramento mental requer o domínio e vasto conhecimento no mundo astral.

Como dissemos anteriormente, o corpo astral envolve o corpo mental, ou seja, o corpo mental vai dentro do corpo mental.

b-4

A técnica é bem simples: estando plenamente conscientes no mundo astral, pega-se o corpo astral e o puxa como se a uma carga e diz-se: – CORPO ASTRAL SAI DE MIM!

A diferença do mundo astral e do mental, no que tange ao estudo dos eus, é que no mundo dos sonhos os eus vão se sobrepondo um ao outro, enquanto no mundo mental os eus podem ser estudados um a um, pois vem em fileira.

Para se trabalhar melhor com os eus no mundo mental é necessário que a pessoa já tenha construído o seu ‘CORPO MENTAL SOLAR’.

Entretanto, com o corpo lunar mental pode-se já fazer boas investigações.

Há um mundo mental superior e outro inferior. Com o corpo mental lunar somente conseguiremos investigar e ter acesso ao mundo mental inferior. Ali há templos da Loja Branca inclusive.

É muito interessante que o estudante gnóstico, apto, conheça o mundo mental inferior, pois isso lhe dará consciência desta dimensão, além de lhe dar mais força para o trabalho esotérico, além de ajudar a despertar a consciência como um todo, devido ao conhecimento dos processos mentais de vários egos.

Trabalhemos intensamente sobre nós mesmos a fim de nos tornarmos hábeis a conseguir o desdobramento astral com constância e posteriormente, o desdobramento mental.

Não é demasiado dizer que a base da evolução espiritual são os três fatores de revolução da consciência.

 

Boas práticas!

2 opiniões sobre “4 – Desdobramento Mental

GUTEMBERG FREIRE

A técnica é bem simples: estando plenamente conscientes no mundo astral, pega-se o corpo astral e o puxa como se a uma carga e diz-se: – CORPO ASTRAL SAI DE MIM

Nao Entendi

Resposta
    gnose

    Oi, Gutemberg, bom dia. No livro “A Águia Rebelde” do V.M., no capítulo IX, ali ele fala desta prática. Por favor, dê uma lidinha lá, creio que suas dúvidas serão sanadas.
    PAZ INVERENCIAL

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.